Home / Vida / Pessoas / Sociedade de Recreio e Instrução de São Marcos da Serra, Com novos órgãos sociais pretende revitalizar a coletividade

Sociedade de Recreio e Instrução de São Marcos da Serra, Com novos órgãos sociais pretende revitalizar a coletividade

A Sociedade de Recreio e Instrução de São Marcos da Serra elegeu, no dia 10 de março, os novos órgãos sociais para o biénio de 2019/ 2020.
Após um interregno de cinco anos, em que a Sociedade se encontrava sem Direção, abrindo apenas esporadicamente para alguma iniciativa, um grupo de pessoas, encabeçado por Lúcio Tomé, resolveu deitar mãos à situação, com o objetivo de “voltar a ter uma coletividade ativa”, como diz ao Terra Ruiva.
Para Lúcio Tomé, que já fora presidente da SRI de São Marcos da Serra, é uma nova tentativa de levantar a coletividade, tarefa que se afigura difícil depois “de cinco anos sem haver eleições e com muitos sócios afastados”.

Para já, além de tentar recuperar os sócios antigos e ter a esperança de encontrar novos, os atuais dirigentes querem que a Sociedade possa abrir às sextas-feiras, sábados e domingos, com serviço de bar e eventos. A organização de bailes ao fim de semana e de matinés aos domingos passará a ser uma atividade regular, estando a Direção aberta a novas ideias e colaborações.

A recuperação financeira da SRI de São Marcos é outra das prioridades, pelo que está prevista a participação da mesma na Feira do Folar, a realizar na Páscoa, nesta localidade. E num calendário próximo também se encontra a organização do Baile da Pinha, no dia 20 de abril, com o acordeonista Sérgio Conceição.

Longe vão os tempos em que a Sociedade de Recreio e Instrução de São Marcos da Serra tinha 600 sócios. E agora “se é difícil trazer os antigos sócios, quanto mais os novos”, diz o presidente da Direção. Mas o convite/desafio está feito: “A Sociedade de Recreio e Instrução precisa da sua boa disposição, de mais sócios, de ideias novas.
Venha, traga os amigos!”, como se lê na página de Facebook da coletividade.

Órgãos Eleitos

Direção
Presidente – Lúcio Paulo Inez Tomé
Secretário – Maria Albertina da Silva Vale Tomé
Tesoureiro – Paula Santos Coelho
1º Vogal – José Inácio Pacheco da Silva
2º Vogal – Leonel Mestre Coelho

Assembleia Geral
Presidente – Anabela Paula Cabrita Martins
Vice-Presidente – Arlindo Vieira Tomé
Secretário – Crisália Maria Santos Cabrita
1º Vogal – Maria Teresa Cortes Martins Guerreiro

Conselho Fiscal
Presidente – Dário Manuel Valério Prata
Secretário – Tiago José Afonso Guerreiro
1º Vogal – Joaquim Luís Rodrigues

Veja Também

Casais do concelho festejaram as Bodas de Ouro

Uma dezena de casais do concelho de Silves participou na festa de celebração das Bodas …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *