Home / Sociedade / História & Património

História & Património

40º Aniversário da realização do Festival da Cerveja

Em Silves, no edifício da Câmara, encontra-se patente, até ao final do mês de junho, a Exposição do Arquivo Municipal com o tema “40º aniversário da realização do Festival da Cerveja ”. A exposição é acompanhada de imagens e documentos. O Terra Ruiva colabora com esta iniciativa do Arquivo Municipal publicando uma versão resumida do texto da exposição. A versão integral está disponível aqui:Expo_DM_Junho_2018   40º Aniversário da realização do Festival da Cerveja   No mês de junho assinala-se o 40º aniversário da realização do 1.º Festival da Cerveja em Silves. Aquele que foi durante várias décadas o acontecimento mais …

Ler Mais »

Memórias Breves (7) Entre Céu e Inferno

ENTRE CÉU E INFERNO = Nos meus tempos, de garoto, quando entrava na Igreja de S. Bartolomeu, o Padroeiro da minha terra de Messines, passando pela capela chamada das “Almas”, fechava os olhos, em receios, porque a minha professora primária, muito crente, diria “excessivamente beata”, introduzia-nos os medos do inferno. E aquela capela que se integra no conjunto das restantes, influía-me esses receios.   Essas memórias infantis, levaram-me a contar no meu livro “As Tentações de Maria Lua “, publicado em 2010, uma narrativa sobre essa capela oitocentista. Acontece que no passado dia 7 de Março, revisitando a igreja e …

Ler Mais »

1º de Maio – Dia do Trabalhador

Exposição “1º de Maio – Dia do Trabalhador” Em Silves, no edifício da Câmara, encontra-se patente, até ao final do mês de maio, a Exposição do Arquivo Municipal com o tema “ 1º de Maio – Dia do Trabalhador ”. A exposição é acompanhada de imagens e documentos. O Terra Ruiva colabora com esta iniciativa do Arquivo Municipal publicando uma versão resumida do texto da exposição. A versão integral está disponível aqui: Expo_DM_Maio_2018 1º de Maio – Dia do Trabalhador O Dia do Trabalhador, que é celebrado anualmente no dia 1 de Maio em numerosos países do mundo, nasceu de um …

Ler Mais »

Presos políticos de Silves

Presos políticos de Silves    António Estrela António Estrela, filho de José Estrelo e de Maria Francisca, nasceu em Silves, a 1 de Abril de 1910, no seio de uma família de corticeiros. Cedo se iniciou no mundo do trabalho na Fábrica do Inglês, onde trabalhavam familiares seus. Frequentou a escola da Associação dos Corticeiros até à 3ª classe, não concluindo a instrução primária porque, como era frequente naqueles tempos, bem cedo havia que começar a contribuir para o orçamento familiar. Iniciou o estudo de Esperanto, a que se dedicou durante largos anos. António Estrela era um admirador de Domingos …

Ler Mais »

Requalificação do Centro Histórico de Messines – Carta aberta à Sr.ª Presidente da Câmara de Silves

Noticiou o “Terra Ruiva” na última edição que a autarquia se prepara para levar a efeito um vasto conjunto de obras, consideradas estratégicas, de entre as quais a requalificação do centro antigo da vila de Messines. Na verdade tal intenção não é recente, tendo mesmo amiúde integrado algumas promessas ao longo das últimas campanhas eleitorais. Em setembro de 2010, por exemplo, a presidente Isabel Soares, em entrevista ao “Jornal do Algarve”, já elencava como objetivo a supracitada intervenção. Meses antes, neste mesmo espaço, face às obras que se pré-anunciavam, alertávamos nós para as singularidades do centro histórico de S. B. …

Ler Mais »

Escavações no Centro Histórico de Silves revelam dados surpreendentes

A conhecida Porta da Almedina, no torreão junto à Câmara Municipal, pode, afinal, ser uma construção do período cristão e não islâmico, como até aqui se pensava. A descoberta de algumas moedas cunhadas por reis portugueses é apenas uma das pistas que aponta nessa direção. Mas a cidade de Silves tem trazido à luz verdadeiros tesouros, peças raras e únicas, no decorrer das várias fases das obras do Centro Histórico de Silves. Foi para dar a conhecer esse trabalho que no Dia Nacional dos Centros Históricos, se realizou a palestra “Requalificação do Centro Histórico de Silves – 3ª fase; Projeto, …

Ler Mais »

Memórias Breves (6) Terra Ruiva nº 200

Terra Ruiva entra no seu 200.º número de publicação, e Paula Bravo na sua direção. O mensário tem sido uma escola para gente que, nas suas áreas profissionais, se entrega em colaboração, nas suas horas de lazer. Mas não será uma forma dos colaboradores, entrarem nessas vontades “adormecidas”, e que despertam para um contributo auto/plural? Deixemos estas divagações e vamos ao proveito do Terra Ruiva para a informação, nas suas pluralidades, ao encontro do leitor do concelho, aos ausentes dele, que refletem nas palavras escritas, nas ideias transmitidas. Nas imagens! E nessa globalidade se forma, se constrói um mensário, também …

Ler Mais »

Os atestados de bom comportamento moral e civil até ao 25 de Abril de 1974

Exposição “Os atestados de bom comportamento moral e civil até ao 25 de Abril de 1974” Em Silves, no edifício da Câmara, encontra-se patente, até ao final do mês de abril, a Exposição do Arquivo Municipal com o tema “ Os atestados de bom comportamento moral e civil até ao 25 de Abril de 1974 ”. A exposição é acompanhada de imagens e documentos. O Terra Ruiva colabora com esta iniciativa do Arquivo Municipal publicando uma versão resumida do texto da exposição. A versão integral está disponível aqui:Exposição_DM_Abril_2018 Os atestados de bom comportamento moral e civil até ao 25 de …

Ler Mais »

Dr. Carlos Alberto Lucas da Lança Falcão – o presidente Falcão

Dr. Carlos Alberto Lucas da Lança Falcão – o presidente Falcão Nasceu em Coimbra a 04/11/1919, filho de pai odemirense, José Maria Lança Falcão e de mãe coimbrã, Maria Guilhermina Lucas, aquele que viria a ocupar um dos mais profícuos mandatos à frente dos destinos da Câmara Municipal de Silves, durante o Estado Novo. Um quinquénio, entre 1955 e 1960, marcado pela concretização/conclusão de várias obras estruturantes na cidade e no concelho. A sua relação com Silves foi, no entanto, casual. Tal como o pai, licenciou-se em Direito, curso que concluiu em 1942, vindo a tornar-se posteriormente conservador do registo …

Ler Mais »

Dia Nacional dos Centros Históricos é comemorado em Silves

O Dia Nacional dos Centros Históricos, a 28 de março, é comemorado em Silves com uma série de atividades. Logo pela manhã, e até ao final do dia, várias figuras históricas como o rei D. Sancho, a rainha D. Leonor, ou o Bispo D. Jerónimo Osório vão estar pelos monumentos da cidade, acompanhando os visitantes. Pelas 10h, no Largo da Sé, haverá uma ação criativa “Pincelando a Velha Cidade”, enquanto um pouco mais tarde, às 11h, decorre um recital de guitarra, por Juan Camacho León, no mesmo espaço. Às 17h, terá lugar a Inauguração do Pavimento associado à Porte da …

Ler Mais »