Home / Paula Bravo

Paula Bravo

Natural de S. Bartolomeu de Messines, nascida em 1963. Licenciada em Comunicação Social. Desde 1986, trabalhou em vários órgãos de comunicação nacionais e regionais. Dirigente associativa. Fundadora e diretora do Terra Ruiva desde abril de 2000.

Corticeiros de Silves homenageados no 1º de Maio

Os corticeiros de Silves foram homenageados pela Câmara Municipal, com a inauguração de um conjunto escultório representando diversos trabalhos dessa atividade. Junto à Cruz de Portugal, encontra-se o conjunto do homem com dois burros carregados de cortiça, representando o trabalhador que trazia a cortiça da serra até à cidade. Na rotunda, em frente, encontram-se representados os operários que faziam a raspagem da cortiça e a escolha das rolhas. As peças são da autoria do escultor Carlos de Oliveira Correia. A cerimónia de inauguração foi presidida por Rosa Palma que, na sua intervenção, destacou a importância da indústria corticeira para a …

Ler Mais »

Populismos há muitos

Nos dias em que escrevo esta edição paira a incerteza sobre o resultado das eleições francesas e consequentemente sobre o futuro desta Europa comunitária a que nos habituámos nos últimos anos. No receio de que as alterações que possam vir a acontecer não se traduzam numa melhoria das condições de vida da generalidade da população, e que ameaças tenebrosas desencadeadas pelos nacionalismos ganhem expressão, vivemos um momento que só não inquietará quem anda totalmente distraído do mundo. Neste novo mundo de frágeis ligações à realidade do outro, caem por terra muitos dos tradicionais alicerces da nossa democracia e ao mesmo …

Ler Mais »

Conferência sobre a Liberdade de Imprensa

No dia 3 de maio, Dia Internacional da Liberdade de Imprensa, Paula Bravo, diretora do Terra Ruiva, e Elisabete Rodrigues, diretora do Sul Informação, participaram numa Conferência sobre este tema, organizada pela Biblioteca Municipal de Silves. O moderador foi o professor e diretor da Escola Superior de Educação e Comunicação da Universidade do Algarve, António Guerreiro. “Liberdade de Expressão, Expressão da Liberdade” foi o tema da intervenção inicial de Elisabete Rodrigues, que se concentrou nos números de organizações internacionais, como os Repórteres sem Fronteiras, que atestam as crescentes dificuldades que se colocam à liberdade de imprensa. Quanto a Paula Bravo, …

Ler Mais »

Avistamento de OVNI em Messines? Há uma testemunha, a UFO Portugal procura mais

O avistamento de um objeto voador e luminoso em S. Bartolomeu de Messines, na noite de 6 de maio, está a atrair a atenção da comunidade que se dedica ao acompanhamento e estudo de casos de avistamento de OVNIs. Pede-se ajuda a quem possa ter testemunhado a mesma situação.   O caso chegou ao conhecimento da UFO Portugal – Página Oficial do Fenómeno OVNI em Portugal e no Mundo através do relato de uma testemunha que fez a descrição do que tinha visto, acrescentando um registo de imagem e de áudio. Segundo essa testemunha, encontrava-se na varanda da sua casa, …

Ler Mais »

Assembleia de Freguesia no Algoz: adiadas de novo as explicações prometidas por Sérgio Antão

No dia 5 de abril, foi realizada uma Assembleia Extraordinária da União de Freguesias de Algoz e Tunes, com o objetivo principal do executivo liderado por Sérgio Antão, eleito pelo PSD, pudesse esclarecer as dúvidas que se levantaram relativamente a vários aspetos da sua gestão. Como o Terra Ruiva noticiou então na sua edição online, o presidente a pouco ou a nada respondeu, argumentando não estar preparado e remetendo as respostas para a assembleia seguinte. ( http://www.terraruiva.pt/2017/04/12/assembleia-da-uf-algoz-tunes-presidente-apresentou-advogado-pouco-disse/ ) No dia 27 de abril, realizou-se nova assembleia, desta vez no Algoz. No entanto, também desta vez nada foi respondido sobre as …

Ler Mais »

AL Teatro comemora o 3º aniversário em Silves

Há três anos que a Companhia AL Teatro se instalou em Silves, após a reabertura do Teatro Mascarenhas Gregório – um factor que possibilitou a criação de um programa regular de atividades. O Terra Ruiva falou com o mentor e responsável pela Companhia, Pedro Ramos, que fez um breve balanço da sua atividade, a escassos dias da estreia da 28ª criação do AL Teatro, “Salt(e)adores de Histórias”. “Nos três anos que estamos em Silves criámos três espetáculos para o público em geral, três para o público infantil, criámos as Noites Al Teatro e os Dias Al Teatro nos quais fizemos …

Ler Mais »

Memórias: Entrevista a Esmeralda Lebre que fala dos tempos em que esteve presa em Caxias

Memórias: Na edição nº 67,  de abril de 2006, o Terra Ruiva publicou uma entrevista a Esmeralda Vicente Lebre, residente em Alcantarilha que nos falou do tempo em que esteve presa em Caxias e dos tempos de perseguição e opressão que viveu no Portugal de antes do 25 de Abril. Uma Memória que se recupera no 43º aniversário do 25 de abril de 1974.   “A minha luta nasceu do meu sentido de humanidade” 32 anos decorridos após o 25 de Abril, o Terra Ruiva entrevistou Esmeralda Vicente Lebre, algarvia que vive actualmente em Alcantarilha, sobre a sua experiência de …

Ler Mais »

Num dia de “antigamente” quando as paredes de Silves, Messines, Tunes e Algoz falaram

No dia 2 de abril de 1965, muitas paredes de Silves, S. Bartolomeu de Messines, Tunes e Algoz foram o palco da revolta de jovens revolucionários que protestavam contra a miséria e Salazar. Um leitor fez-nos chegar o documento que o Posto da PIDE de Portimão enviou depois para a Secção Central, dando conta desses acontecimentos. Na altura em que se comemora o 43º aniversário do 25 de abril de 1974, a par do programa de comemorações, publicamos também a memória de outros tempos feitos de miséria, repressão, fome, guerra, privação da liberdade, vigilância e perseguição de cidadãos com base …

Ler Mais »

Entrevista a Tito Coelho: “Aqui na Junta tenho a possibilidade de fazer a diferença”

Tito Coelho, de 55 anos, independente eleito nas listas da CDU, cumpre o seu primeiro mandato enquanto presidente da Junta de Freguesia de Silves. Marceneiro de profissão, foi como treinador e “alma” do grupo de ginástica do Enxerim que se tornou conhecido, muito antes de aceitar o desafio de ser autarca a tempo inteiro na Freguesia de Silves. Fê-lo para ter a possibilidade de “fazer a diferença”.   Há quatro anos, foi uma surpresa quando o seu nome foi anunciado para a Freguesia de Silves, de ter sido uma surpresa. Como recebeu este convite e o que o levou a …

Ler Mais »

Centro Cultural Luís Augusto Mascarenhas no Algoz

A “pré-inauguração”, como lhe chamou o presidente da União de Freguesias de Algoz e Tunes, aconteceu no dia 29 de março. O novo espaço do Algoz dá pelo nome de “Centro Cultural Luís Augusto Mascarenhas” e pretende vir a ser um espaço congregador de múltiplas atividades e um local aberto a eventos públicos. Situa-se no antigo edifício que em 1937 foi oferecido à Junta de Freguesia do Algoz pelo benemérito Luís Augusto Mascarenhas, para construção de um asilo, como então se dizia. Não foi esse o destino, até 1998 acolheu a Escola C+S do Algoz. Construída a nova escola, a …

Ler Mais »