Paula Bravo

Natural de S. Bartolomeu de Messines, nascida em 1963. Licenciada em Comunicação Social. Desde 1986, trabalhou em vários órgãos de comunicação nacionais e regionais. Dirigente associativa. Fundadora e diretora do Terra Ruiva desde abril de 2000.

As primeiras Eleições Autárquicas – 12 de dezembro de 1976

Todas as memórias são unânimes. A primeira vez que houve eleições autárquicas livres em Portugal, no dia 12 de dezembro de 1976, há 45 anos, foi “uma euforia”, “uma grande emoção” e “muita confusão”. Pela variedade de partidos, pela confusão a que muitos fazia o preenchimento dos boletins de votos, as dúvidas sobre as questões logísticas e legais do processo eleitoral… Nesse ano de 1976, os portugueses já por duas vezes tinham experimentado o gosto de fazer a cruz à frente do seu preferido. Em abril já tinham participado nas eleições legislativas, ganhas pelo PS, e em junho tinham sido …

Ler Mais »

Novo Ciclo

O mês de setembro é propício a reinícios e poucas vezes isso se terá sentido com tanta intensidade como neste ano de 2021. A onda pandémica, que a todos tem tolhido, enfrenta agora a barreira da vacinação e, embora as contas estejam longe de estar saldadas, há uma descompressão visível alimentada em simultâneo pela esperança e pelo cansaço. Mas nestes dias em que as escolas se enchem de novo de vozes infantis e juvenis, nestes dias em que as férias terminaram para a maioria das pessoas e que o ciclo de escola/trabalho se reinicia, surgem movimentos que mudarão a nossa …

Ler Mais »

Abacates-desde que se plantou o primeiro pomar em Silves, até ao “ouro verde” e à falta de água

O concelho de Silves destaca-se hoje na produção de abacates, em conjunto com Tavira e Faro. Para este mês de julho está anunciado o lançamento da marca Abacate do Algarve, um produto que se quer posicionar enquanto referência mundial, a par dos citrinos algarvios. Nos últimos tempos, porém, a expansão de pomares de abacate que, no nosso concelho podem facilmente ser encontrados nas freguesias de Silves, São Bartolomeu de Messines e Algoz, tem levantado muitas dúvidas e inquietações ambientais, relacionadas principalmente com a falta de água crónica que a região do Algarve enfrenta. Recentemente, foi apresentado o estudo sobre “A …

Ler Mais »

Calor, neve e Lixo Zero

Hoje está um calor extremo no Canadá e neva no Brasil. A Europa, que já respirava algum alívio com o declínio dos números de infetados por Covid-19, recolhe-se e encolhe-se de novo com a quarta vaga. No concelho de Silves, onde os novos casos eram já residuais, a situação mudou drasticamente em poucos dias e ponho no título da notícia que acabo de publicar, “risco elevado”. Infelizmente, nada do que antes refiro se trata de uma espécie de mentira de 1 de julho – dia em que enumero tão tristes factos. Factos que nos colocam em causa, enquanto indivíduos e …

Ler Mais »

Cristiano Ronaldo e as marquises da vida

Para nos distrairmos das peripécias dos súditos de Sua Majestade em terras lusas e do aumento dos números da Covid-19, o país assistiu a mais uma querela, com destaque nacional, sobre a construção de uma “marquise” num prédio de luxo em Lisboa. O “empolgante” tema fez até capas num dos jornais mais vendidos no país, curiosamente o mesmo ao qual o visado neste caso se recusa a dar entrevistas, após um conflito anterior. O tema da “marquise” foi alimentado por uns e por outros em órgãos de comunicação social, redes sociais e em círculos de maldizer, por inveja, maledicência ou …

Ler Mais »

Orquestra Clássica do Sul atua em São Marcos da Serra

A Igreja Matriz de São Marcos da Serra irá receber, no próximo dia 27 de maio, pelas 19h00, o concerto “Em Estilo Antigo”, pela Orquestra Clássica do Sul (OCS). A iniciativa é organizada pela Câmara Municipal de Silves, em parceria com a OCS. A entrada é livre mas sujeita à limitação do espaço, tendo em conta as orientações da DGS. Neste concerto as obras serão interpretadas pelo agrupamento de música de câmara composto por Luis Miguel Garcia e Stefania Bernardi (flautas), João Mogo (trompete), Jan Pipal e Emilian Petrov (violinos) Ivetta Natzkaya (viola) e Ana Luisa Marques (violoncelo). PROGRAMA DIGNAZ …

Ler Mais »

No “Penedo Grande”

Há uma vista que vale um Geoparque? Uma verdadeira oportunidade e obrigação de contribuir para um objectivo mundial: preservar, até 2030, a biodiversidade de 30% do planeta.  Depois da inauguração da rotunda Geoparque Algarvensis, em Salir no último dia 24 de Abril seria bonito pensar que a intervenção no centro antigo de S. Bartolomeu de Messines pode assumir compromissos maiores. Esta é uma forte motivação para reforçar o papel central da vila no projecto aspirante à denominação ‘Geoparques Mundiais’ da UNESCO. A intervenção no património urbano da vila e a consciência da importância da geodiversidade deste território  são uma oportunidade …

Ler Mais »

Democracia

No rescaldo da comemoração do 47º aniversário do 25 de abril, inevitavelmente, surgem as inquietações sobre o estado anímico da democracia que nos foi oferecida nessa data, como se tornou comum ouvir dizer. Na verdade, a democracia não nos foi oferecida, mas sim apresentada: aqui está ela, é linda e frágil, quem a amar deve tratá-la como a uma filha e protege-la para toda a vida. Mais complicada é a questão de como se pode viver em pleno essa democracia. Falamos de um país em que, segundo uma sondagem publicada recentemente pelo Expresso, apenas 10 por cento dos portugueses acredita …

Ler Mais »

Centro de Vacinação de Silves, a atender uma média de 300 pessoas por dia

Já se encontra em funcionamento o Centro de Vacinação (CVC) COVID-19 de Silves. A funcionar desde o dia 26 de abril, nas instalações da Fissul, este Centro tem estado a atender uma média diária de 300 pessoas havendo, no entanto, alguns dias em que recebeu cerca de 500 utentes. A instalação deste centro de vacinação de Silves resultou de uma cedência da Câmara Municipal de Silves, cumprindo as orientações da Direção Geral de Saúde, com as orientações da Administração Regional de Saúde (ARS), Agrupamento de Centros de Saúde do Barlavento (ACES/Barlavento) e Unidade Local de Saúde (ULS), “com vista a …

Ler Mais »

Entrevista a Francisco Martins “A política deve reger-se por valores e convicções”

No concelho de Silves não haverá muitas pessoas que não se tenham cruzado com este homem discreto, sério e ponderado. Francisco Manuel Guerreiro Martins, de 64 anos, tem um percurso de doação pessoal pouco comum. Desde sempre participante ativo na vida da comunidade, é fundador e um dos pilares do Terra Ruiva. No aniversário deste jornal, que é também um projeto coletivo, fala-nos da sua visão sobre o mesmo e do trabalho que desenvolve enquanto Chefe de Gabinete da Presidente da Câmara Municipal de Silves. A conversa segue em tom informal, nem poderia ser de outra forma, entre pessoas que …

Ler Mais »