Editorial

O PIB e os ovos

Há poucos dias, o Instituto Nacional de Estatística disse-nos, com todos os números, que o Algarve registou, em 2020, uma quebra histórica do Produto Interno Bruto (PIB): menos 16,7 por cento! Praticamente o dobro do que se registou a nível nacional: menos 8,4 por cento. A causa, como todos sabemos, tem a ver com a pandemia provocada pela Covid-19. O problema também o identificamos há muitos anos: temos praticamente todos os ovos no mesmo cesto. Quando as receitas provenientes do turismo reduziram drasticamente, a região quase colapsou. E assim permanecemos, no início de 2022: à beirinha do precipício. E a …

Ler Mais »

Resiliência

Em março de 2020 algumas palavras entraram no meu léxico diário. Covid. Confinamento. Relatório Epidemiológico. Direção-Geral da Saúde. Casos. E algumas outras, que não escrevia mas pensava: medo/esperança. Os leitores, os amigos e os curiosos telefonavam e mandavam mensagens, quantos casos há hoje? Sabes quem são? (Sim, houve uma altura em que se sabia, a nível local, quem eram as pessoas infetadas, as suas famílias e demais detalhes que viessem à conversa. E eu escrevia, todos os dias, a notícia. Preocupada mas sempre a pensar que mais dia menos dia esta fase chegaria ao fim. Nas pastas das edições em …

Ler Mais »

Não é inevitável

Há dores que nos machucam, mesmo não sendo nossas. Imaginem umas dezenas de corpos comprimidos junto a um edifício, olhos cansados de quem se levantou cedo, máscaras azuis a esconder a expressão. São pessoas, muitas, que se amontoam no primeiro dia de cada mês, à porta das unidades de saúde, com o único objetivo de conseguir uma consulta para esse mês. Vi há dias este quadro em Messines. Mas no mesmo dia falei com uma moradora de Tunes que me disse: venha aqui amanhã que vê a mesma coisa. E em Armação… e em Alcantarilha, dizem-me do outro lado. E …

Ler Mais »

Não são números, são pessoas

Há coisas que, com o avançar da idade, se tornam mais fáceis de aceitar. A vida e as suas experiências tornam-nos mais complacentes… perde-se o frescor da juventude mas ganha-se maior capacidade de compreensão do facto de sermos seres humanos, com mais falhas, inseguranças e defeitos do que gostaríamos de admitir. É verdade. Mas confesso que ainda não consegui atingir esse estágio de compreensão para esta situação. Digo o número: 51,61% de abstenção nas eleições autárquicas no concelho de Silves. Dito o número assim por si só, é como se não houvesse ninguém ali representado. Mas existem… muitos alguéns… Desmonta-se …

Ler Mais »

Novo Ciclo

O mês de setembro é propício a reinícios e poucas vezes isso se terá sentido com tanta intensidade como neste ano de 2021. A onda pandémica, que a todos tem tolhido, enfrenta agora a barreira da vacinação e, embora as contas estejam longe de estar saldadas, há uma descompressão visível alimentada em simultâneo pela esperança e pelo cansaço. Mas nestes dias em que as escolas se enchem de novo de vozes infantis e juvenis, nestes dias em que as férias terminaram para a maioria das pessoas e que o ciclo de escola/trabalho se reinicia, surgem movimentos que mudarão a nossa …

Ler Mais »

Calor, neve e Lixo Zero

Hoje está um calor extremo no Canadá e neva no Brasil. A Europa, que já respirava algum alívio com o declínio dos números de infetados por Covid-19, recolhe-se e encolhe-se de novo com a quarta vaga. No concelho de Silves, onde os novos casos eram já residuais, a situação mudou drasticamente em poucos dias e ponho no título da notícia que acabo de publicar, “risco elevado”. Infelizmente, nada do que antes refiro se trata de uma espécie de mentira de 1 de julho – dia em que enumero tão tristes factos. Factos que nos colocam em causa, enquanto indivíduos e …

Ler Mais »

Cristiano Ronaldo e as marquises da vida

Para nos distrairmos das peripécias dos súditos de Sua Majestade em terras lusas e do aumento dos números da Covid-19, o país assistiu a mais uma querela, com destaque nacional, sobre a construção de uma “marquise” num prédio de luxo em Lisboa. O “empolgante” tema fez até capas num dos jornais mais vendidos no país, curiosamente o mesmo ao qual o visado neste caso se recusa a dar entrevistas, após um conflito anterior. O tema da “marquise” foi alimentado por uns e por outros em órgãos de comunicação social, redes sociais e em círculos de maldizer, por inveja, maledicência ou …

Ler Mais »

Democracia

No rescaldo da comemoração do 47º aniversário do 25 de abril, inevitavelmente, surgem as inquietações sobre o estado anímico da democracia que nos foi oferecida nessa data, como se tornou comum ouvir dizer. Na verdade, a democracia não nos foi oferecida, mas sim apresentada: aqui está ela, é linda e frágil, quem a amar deve tratá-la como a uma filha e protege-la para toda a vida. Mais complicada é a questão de como se pode viver em pleno essa democracia. Falamos de um país em que, segundo uma sondagem publicada recentemente pelo Expresso, apenas 10 por cento dos portugueses acredita …

Ler Mais »

A vida a sério

A vida a sério é assim: séria. É séria a vida de quem labuta diariamente, de quem se senta a fazer contas antes do final do mês e de quem sabe do mundo o que vê. Dizem os números – são a maioria. Dizem os números – são cada vez mais. Num sítio que até poderia ser noutro planeta, existe uma outra vida. Que se alimenta de pareceres, gabinetes fartos e usa palavras como inverdades. Dizem os números – são uma minoria. Dizem os números – estão cada vez mais abastados. Estas duas realidades que se cruzam mas não se …

Ler Mais »

Um olhar sobre o associativismo

Por estes dias de fevereiro e março, em que uma série de associações e coletividades do concelho, algumas delas octogenárias e outras nonagenárias, têm o seu aniversário, vale a pena avaliar a sua situação nas presentes circunstâncias marcadas pela pandemia. O que se verifica é que o movimento associativo em geral viu agravada a sua periclitante situação económica. Muitas coletividades têm parte da sua sobrevivência dependente do funcionamento de um bar/ café e da realização de atividades sociais e de entretenimento, sendo que tudo se encontra suspenso, total ou parcialmente, desde há um ano. Segundo os dados da Confederação Portuguesa …

Ler Mais »