Home / Vida / Saúde & Bem Estar / Alerta para a presença da “caravela-portuguesa” em toda a costa

Alerta para a presença da “caravela-portuguesa” em toda a costa

Numa altura em que as praias começam já a ser frequentadas por muitas pessoas, o Instituto Português do Mar e da Atmosfera -IPMA lançou um alerta para os perigos causados pela “Caravela- Portuguesa” (Physalia Physalis) que se encontra presente em toda a costa nacional.

“Entre as espécies que ocorrem em Portugal, a caravela-portuguesa é a que exige mais cautela”, avisa o IPMA.

Esta é uma espécie influenciada por ventos e correntes de superfície  que apresenta um flutuador em forma de “balão” de cor azul e, por vezes, tons lilás e rosa. Os seus tentáculos podem chegar aos 30m de comprimento e são muito urticantes, capazes de provocar graves queimaduras. Por isso, é importante relembrar que não se deve tocar nos tentáculos, mesmo quando a caravela-portuguesa aparenta estar morta na praia, alerta o IPMA.

Em caso de contacto com os tentáculos de uma caravela,  zona afetada deve ser bem limpa com água do mar e devem ser retirados quaisquer pedaços de tentáculos que possam ter ficado presos na pele. Poderá aplicar vinagre e bandas quentes e deverá procurar assistência médica.

Em Portugal existe, desde 2016,  o programa GelAvista que tem vindo a envolver os cidadãos para a necessária recolha de informação sobre a ocorrência ou inexistência de organismos de aspeto gelatinoso na costa portuguesa. Recebe informação sobre a presença de organismos gelatinosos, alerta a população, e transmite informação científica sobre as espécies, bem como os cuidados a ter em caso de contacto direto com a pele.

Qualquer ocorrência desta ou de outras espécies de organismos gelatinosos poderá ser comunicada ao programa GelAvista. A informação de cada avistamento (data, local, número de organismos e fotografia com objeto a servir de escala) deverá ser enviada para o email plancton@ipma.pt, ou através da aplicação GelAvista disponível na Play Store para sistemas Android.

Na página de facebook do GelAvista, são frequentemente partilhadas as mais recentes ocorrências de organismos gelatinosos em Portugal, e no sítio online do programa está também disponível informação sobre as espécies.

O Gelavista pretende continuar a contar com a colaboração da população para estudar e compreender a dinâmica dos organismos gelatinosos a larga escala em território nacional para que, no futuro, seja possível a previsão destas ocorrências.

Partilhe nas redes socias:
Share on Facebook
Facebook
0Pin on Pinterest
Pinterest
0Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin

Veja Também

Horóscopo Semanal, por Maria Helena Martins

Horóscopo Semanal Carneiro Carta Dominante: Rei de Ouros, que significa Inteligente. Amor: O amor é …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *