O concelho que vai a votos – como é?

No dia 26 de setembro, os cidadãos do Concelho de Silves serão chamados a intervir e a escolher o rumo e as propostas que querem ver concretizadas nos próximos quatro anos.
Mas como é este concelho? Quem nele habita e como vive?
A partir dos dados da Pordata (a maior base de dados de Portugal Contemporâneo) o Terra Ruiva traça um dos possíveis retratos do nosso concelho

Quem e quantos somos

• População residente segundo os Censos de 2021: 34.351 habitantes
• Entre 2009 e 2020 a população residente diminuiu 1,1%
• Em 2020 residiam no concelho 7.087 cidadãos estrangeiros + 1.551 do que em 2009
• Por cada 100 residentes há 14 jovens com menos de 15 anos, 62 adultos e 24 idosos
• Em 2020 nasceram 366 bebés, menos 4 do que em 2019; e morreram 485 pessoas (mais 34 do que em 2019)
• Em 2020 a diferença entre o número de nascimentos e o de mortes foi negativo, havendo um saldo natural de menos 119 indivíduos. Em contrapartida o saldo migratório foi positivo, com mais 125 indivíduos.
• Em 2019 registaram-se 100 casamentos e 64 divórcios.

Educação
• Em 2019 havia nas escolas 5.072 alunos inscritos no ensino pré-escolar, básico e secundário, menos 636 do que em 2009 e mais 40 do que em 2018
• Em 2020, 31% dos recém-nascidos tinham mães com ensino superior, um aumento de 10 pontos percentuais face a 2009

Economia / Trabalho
• Em 2020 a população em idade ativa era 62,2 % (64,4 Portugal)
• O sector que tinha mais pessoal ao serviço, em 2019, era o comércio por grosso e retalho – 20,7%
• Em 2019 existiam 5.344 empresas não financeiras
• Entre 2009 e 2019 o número de empresas financeiras aumentou em Silves de 4.677 para 5.344, um crescimento de 14,3%
• Entre 2009 e 2019 o número de empresas não financeiras do sector da Cultura e do Desporto aumentou de 103 para 157, um crescimento de 52,4%
• Entre 2009 e 2019 o número de empresas não financeiras do sector de saúde e apoio social aumentou de 164 para 209
• Silves tem o 4º menor rácio de empresas por 100 habitantes, entre os municípios do Algarve
• Os trabalhadores por conta de outrem auferem o 8º menor ganho médio mensal por comparação com os outros municípios do Algarve. O ganho médio mensal desses trabalhadores, em 2019, era de 953€
• A média do número de anos de habilitação escolar dos trabalhadores por conta de outrem aumentou de 8,5% em 2009 para 9,6% em 2019
• Silves tem a 7ª menor disparidade salarial, por sexo, no Algarve
• Em 2017 o índice do poder de compra per capita em Silves estava 23% abaixo da média nacional, ao passo que em 2009 estava 22% abaixo
• Em 2019, os desempregados inscritos no IEFP eram 8,1%

Habitação
• Em 2020 havia 33.197 apartamentos ou moradias para habitação familiar, mais 248 do que em 2019
• Entre 2009 e 2019 o valor médio da venda das propriedades urbanas aumentou de 98.579 € para 111.030€

Segurança Social
• Em 2019 foram atribuídas 11.743 pensões pela Segurança Social e pela Caixa Geral de Aposentações, menos 0% do que em 2009
• Silves tem, entre os municípios do Algarve, a 6ª maior proporção de beneficiários do subsídio de desemprego, face à população residente com 15 anos ou mais
• Silves tem, entre os municípios do Algarve, a 4ª menor percentagem de beneficiários do Rendimento Social de Inserção (RSI) face à população residente

Administração Local

Em 2019 o Município de Silves tinha 729 trabalhadores na administração pública, 328 homens e 401 mulheres
Em 2019 o Município de Silves tinha a 7ª menor taxa de trabalhadores da Administração Pública Local por mil habitantes, entre os municípios do Algarve
Em 2019, Silves foi o município do Algarve com o 4º menor valor em receitas autárquicas per capita
Em 2019, Silves teve, no Algarve, a 7ª maior percentagem de transferências recebidas, vindas da Administração Central, União Europeia ou outras entidades, face ao total das receitas
Em 2019, Silves foi o Município do Algarve com a 6ª menor percentagem de receitas de impostos, face ao total das receitas
Em 2019, Silves teve o 7º melhor equilíbrio orçamental do Algarve, na relação entre receitas e despesas correntes
As despesas da Câmara Municipal per capita em 2019 foram de 1.010€ (em Portugal 786€)

Cultura e Desporto
• Em 2019, Silves tinha, entre os municípios do Algarve, a 5ª maior percentagem de despesas da Câmara Municipal destinadas à cultura e ao desporto
• Em 2019, 14,6% das despesas da autarquia destinaram-se à cultura e ao desporto, em 2009 era de 9,7%

Segurança
• Entre 2019 e 2020 os crimes registados pela polícia diminuíram de 1.626 para 1.429, um decréscimo de 7,8%
• Silves tem o 6º menor rácio de acidentes de viação com vítimas por mil habitantes. Em 2019 houve 163 acidentes de viação com vítimas, o mesmo número que em 2009.

Saúde
• Silves tem o 8º menor rácio de habitantes por farmácia do Algarve, em 2020 havia 11 farmácias, o mesmo número que em 2009
• Silves tem o 6º maior rácio de habitantes por enfermeiro do Algarve, em 2020 havia 94 enfermeiros, mais 40 do que em 2009
• Em 2019, 26,2% dos óbitos resultaram de doenças do aparelho circulatório; 27,1% de tumores malignos e 11,3% de doenças do aparelho respiratório

Ambiente
• Em 2019 foram recolhidas seletivamente 8.484 toneladas de lixo, ao passo que a recolha indiferenciada foi de 20.019 toneladas
• As despesas em Ambiente em Silves totalizaram 3.557 milhões de euros, sendo 2.735 milhares de euros em gestão de resíduos e 822 milhares de euros em proteção da biodiversidade e de paisagem.
• O consumo anual de água, por habitante, subiu de 7,5 mil litros em 2018 para 81,5 mil litros em 2019

Veja Também

Câmara e Assembleia Municipal de Silves tomaram posse… com aliança polémica

A tomada de posse da Câmara e Assembleia Municipal de Silves decorreu no dia 18 …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *