Home / Vida / Saúde & Bem Estar / 1ª edição das Jornadas – Diálogos em Saúde discute como melhorar a vida dos doentes com reumatismo

1ª edição das Jornadas – Diálogos em Saúde discute como melhorar a vida dos doentes com reumatismo

“Melhorar a qualidade de vida dos doentes com reumatismo é possível, mas de que forma?” É sob este mote que a Liga Portuguesa contra as Doenças Reumáticas (LPCDR), em conjunto com a Associação de Doentes de Lupus (ADL), promove aquela que é a 1.ª edição das Jornadas – Diálogos em Saúde.

Destaca-se a participação da nossa colaboradora, a psicóloga clínica Helena Pinto.

A decorrer no dia 29 de abril, a partir das 9h no Auditório Verde das Gambelas da Universidade do Algarve, esta iniciativa pretende “promover a literacia em saúde e contribuir para uma melhor qualidade de vidas das pessoas com reumatismo, abordando terapêuticas complementares orientadas para esta doença.

Na verdade, as doenças reumáticas constituem um variado grupo de patologias que, no seu conjunto, causam elevada morbilidade, incapacidade temporária importante, absentismo laboral frequente, incapacidade definitiva precoce de que resulta um grande número de reformas antecipadas por invalidez, redução da esperança de vida e impacto económico e social negativos.

Assim, vários profissionais de saúde irão unir-se para discutir esta temática e revelar alternativas de tratamento que possibilitem responder às necessidades de todas as pessoas que sofrem desta patologia”, informa a organização.

As inscrições podem ser feitas junto da Liga Portuguesa Contra as Doenças Reumáticas.

 

 

Programa
09h00 | Abertura do Secretariado
10h00 | Sessão de Abertura
Prof. Dr. José Eusébio Palma Pacheco, Diretor da Escola Superior de Saúde da Universidade do Algarve
Prof. Dr. Manuel Célio Conceição, Dir. Faculdade de Ciências Humanas e Sociais da Universidade do Algarve

Prof.ª Ana Freitas, Vice-reitora da Universidade do Algarve

Dr.ª Maria do Rosário Morujão, Vice Presidente da Liga Portuguesa Contra as Doenças Reumáticas

Dr. Luís Dutschmann, Presidente da Associação de Doentes com Lúpus

Dr. Rogério Bacalhau Coelho, Presidente da Câmara Municipal de Faro

Representante da Plataforma Saúde em Diálogo

10h20 | Conferência de Abertura
Dr. Augusto Faustino, Terapias Complementares não Farmacológicas na abordagem da Reumatologia

10h45 | Painel 1 Gestão Clinica da doença Reumática
Moderador: Dr. Augusto Faustino
Prof.ª Dr.ª Dina Gaspar, Doença reumática nos Cuidados de Saúde Primários
Dr. Luís Dutschmann, Abordagem multidisciplinar no Lúpus
Prof.ª Dr.ª Catarina Mota, Problemas frequentes na adesão à terapêutica nas doenças reumáticas e sistémicas autoimunes
11h40 – 11h55 | Pausa para Café
Dr.ª Graça Sequeira, Gestão da doença reumática
Dr. Rui Sales Marques, Reabilitação nas doenças reumáticas

12h50 – 14h00 | Almoço

14h00 | Painel 2 – Nutrição e Estilos de Vida
Moderador: Prof.ª Dr.ª Nídia Braz
Dr.ª Sandra Pais, A importância do exercício nas doenças reumáticas
Fisioterapeuta Sofia Guerreiro, Pilates Clinico
Dr.ª Maria Palma Mateus, Alimentação-sem glúten, dúvidas e mitos
15h00 | Showcooking sem Glúten com Dr.ª Ana Paula
15h30 | Pausa para Café

15h45 | Painel 3 – Outros contributos para a Saúde do Doente Crónico
Moderador: Dr.ª Vera Belchior
Dr. João Beles, O papel da Naturopatia na Artrite Reumatoide
Dr. Alexandre Nunes e Dra. Margarida Martins, O papel da Osteopatia nas doenças reumáticas
Dr.ª Helena Pinto e Dr. João Paulo Pestana, Dor emocional vs dor física – técnicas de relaxamento e controlo da dor

17h00 | Mesa Redonda: “Necessidades dos Doentes Algarvios”
Representante da Administração Regional de Saúde do Algarve

Dr.ª Graça Sequeira, Diretora do Serviço de Reumatologia – Hospital de Faro, E.P.E.

Dr.ª Maria do Rosário Morujão, Vice-Presidente da LPCDR

Dr. Luís Dutschmann, Presidente da ADL

17h30 | Sessão de Encerramento

Sobre a LPCDR:
A Liga Portuguesa Contra as Doenças Reumáticas (LPCDR) foi criada a 14 de abril de 1982, com o objetivo de promover a educação social do doente reumático e da população em geral, difundindo informações sobre a natureza, tratamento, prevenção e repercussões sociais das doenças reumáticas. Em 2002, foi reconhecida como Instituição Particular de Solidariedade Social. Desde 1998, a LPCDR organiza anualmente o Fórum de Apoio ao Doente Reumático, constituindo um momento privilegiado de interação entre especialistas de diversas áreas, doentes e familiares, procurando contribuir para a promoção da cidadania e literacia em saúde.

Veja Também

Diagnóstico atempado podia evitar 60 por cento dos casos de perda de visão

Um estudo realizado pela Universidade Nova de Lisboa revela que dos mais de dois milhões de …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *