Home / Sociedade / História & Património / 25 de abril- 45 anos (Dia 21) O Terra Ruiva nas comemorações

25 de abril- 45 anos (Dia 21) O Terra Ruiva nas comemorações

Na celebração dos 45 anos da “Revolução dos Cravos”, o “Terra Ruiva” associa-se às comemorações e publica todos os dias, durante o mês de Abril, um texto ou poema alusivos ao 25 de Abril.
Uma iniciativa organizada por Rui Cabrita e que decorre em simultâneo no jornal Postal do Algarve.

“Um povo sem memória não perpetua um país, preenche um espaço sem identidade.”

Carlos Esperança

 

NUNCA PENSEI VIVER …

Pode ser uma ilha ou uma prisão
Em qualquer lado eu estou presente,
Tomo o navio da canção
E vou directo ao coração de toda a gente.
Nunca pensei viver para ver isto:
a liberdade – (e as promessas de liberdade)
restauradas. Não, na verdade, eu não pensava
– no negro desespero sem esperança viva –
que isto acontecesse realmente. Aconteceu.

E agora, meu general?

Tantos morreram de opressão ou de amargura,
tantos se exilaram ou foram exilados,
tantos viveram um dia-a-dia cínico e magoado,
tantos se calaram, tantos deixaram de escrever,
tantos desaprenderam que a liberdade existe-

E agora, povo português?
Essas promessas – há que fazer depressa
que o povo as entenda, creia mais em si mesmo
do que nelas, porque elas só nele se realizam
e por ele. Há que, por todos os meios,
abrir as portas e as janelas cerradas quase cinquenta anos –

E agora, meu general?
E tu povo, em nome de quem sempre se falou,
ouvir-se-á a tua voz firme por sobre os clamores
com que saúdas as promessas de liberdade ?
Tomarás nas tuas mãos, com serenidade e coragem,
aquilo que, numa hora única, te prometem ?

E agora, povo português?

Jorge de Sena

Veja Também

Festa de N. Sr.ª da Conceição em Alcantarilha

A festa em honra de N. Sr.ª da Conceição, a padroeira de Alcantarilha, irá decorrer …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *