Home / Algarve / Mercado brasileiro com interesse crescente no turismo no Algarve

Mercado brasileiro com interesse crescente no turismo no Algarve

Na sequência da sua participação na ILTM Latin America, o principal evento dedicado à indústria de turismo de luxo da América Latina que se realizou em São Paulo, a Associação Turismo do Algarve (ATA) – a agência responsável pela promoção externa da região enquanto destino turístico – foi convidada a integrar o evento Portugal 360, que arranca hoje no Rio de Janeiro. 

Este convite permitiu à ATA dar continuidade à promoção da região no Brasil, “vindo confirmar o interesse crescente que este mercado tem demonstrado face ao Algarve enquanto destino turístico. Os indicadores comprovam esta tendência de crescimento: de acordo com os últimos dados do INE relativos a março de 2018, o mercado brasileiro é já o oitavo mercado no que diz respeito ao número de hóspedes internacionais no Algarve, tendo registado um crescimento acumulado de 42,5% face a março do ano passado”, informa a ATA.

“A participação na ILTM, onde a ATA e os associados que a acompanharam tiveram a oportunidade de reunir com alguns dos melhores operadores e agentes de viagens do Brasil dedicados ao segmento luxury, permitiu não só promover as mais-valias e a oferta diferenciada da região, mas também a recolha de informação relevante sobre o perfil deste mercado e a sua visão relativamente ao Algarve. No seguimento das 78 reuniões que aí realizou, a ATA concluiu que o turista brasileiro revela já um grande conhecimento de Lisboa e do Norte de Portugal, começando agora a despertar a sua curiosidade face ao Algarve e à sua oferta turística. Os profissionais do setor deixam de olhar para a região apenas como destino de sol e mar e começam agora a procurá-la para dar resposta a outras motivações, verificando-se, nomeadamente, uma maior apetência pelo destino para a realização de casamentos e luas de mel. Outras valências da região como os parques temáticos e aquáticos, o autódromo ou a beleza natural das rotas de cycling & walking existentes começam a destacar-se nas preferências do mercado brasileiro. Muitos agentes de viagens brasileiros atingiram já inclusivamente o estatuto de principal cliente junto de alguns DMC`s do Algarve.”

“O turista do Brasil que procura o Algarve é um visitante muito interessante, não só por ter um elevado poder de compra mas também pelo facto de revelar uma vontade crescente de conhecer o destino fora da época alta e de explorar a diversidade da sua oferta turística”, afirma Dora Coelho, diretora executiva da ATA.

Veja Também

Agricultores atingidos por incêndio têm novo prazo para pedir apoios

Os agricultores das freguesias de Silves, São Bartolomeu de Messines e São Marcos da Serra, …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *