Home / Vida / Pessoas / PJ investiga provável homicídio em Silves

PJ investiga provável homicídio em Silves

A morte suspeita de um homem de 57 anos, está a ser investigada pela Polícia Judiciária (PJ).

O homem, conhecido como “Zé Prego” vivia num casebre junto à margem do Rio Arade e foi encontrado já sem vida, com cinco ferimentos profundos na cabeça, no sábado, cerca das 12 horas.

Os bombeiros de Silves e GNR foram chamados ao local, mas, devido aos fortes indícios de homicídio, foi chamada a Polícia Judiciária.

O amigo João Carrilho, que com ele morava, disse ao Correio da Manhã que saiu de casa antes de José Nunes chegar e deixou “a porta encostada” porque ele “costumava ir dormir por volta das 6 horas”.

Assegura que ficou “surpreendido” quando a GNR o informou da morte do amigo, por volta da hora do almoço. Segundo João Carrilho, a vítima “bebia um pacote de vinho antes de ir arrumar carros junto à igreja” e costumava “chegar a casa de madrugada”.

Partilhe nas redes socias:
Share on Facebook
Facebook
0Pin on Pinterest
Pinterest
0Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin

Veja Também

A questão da transmissão do vírus pelos objetos, analisada por um investigador

Recentemente, a Organização Mundial de Saúde referiu que não é possível confirmar se o SARS-CoV-2 …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *