Home / Sociedade / Ambiente & Ciência / Ciência Viva em Silves com fósseis na ESS e astronomia no Parque Ribeirinho

Ciência Viva em Silves com fósseis na ESS e astronomia no Parque Ribeirinho

A Escola Secundária de Silves foi palco, no dia 17 de julho,  de mais uma atividade no âmbito do programa Ciência Viva no Verão promovido pela Agência Nacional para a Cultura Científica e Tecnológica.

«Desta vez, os participantes, miúdos e graúdos, através da atividade “Retalhos de antigos oceanos nas paredes e pavimentos (Silves)”, tiveram a oportunidade de explorar várias histórias arquivadas nas rochas e nos fósseis presentes no edifício desta escola.

Esta constituiu mais uma oportunidade de divulgar um pouco do trabalho desenvolvido no âmbito do projeto escolar “As rochas e fósseis da minha escola…”, que tem tido, entre outros objetivos, o propósito de valorizar o património geológico e fomentar a literacia e a divulgação científicas.

Um dos fósseis que é possível encontrar na ESS

A atividade, orientada pelo professor Francisco Lopes, resultou de uma colaboração com o Agrupamento de Escolas de Silves, o Centro Ciência Viva do Algarve e a empresa de animação turística GeoWalks & Talks», como explica o próprio.

 

Ciência Viva traz astronomia

A próxima atividade inserida no programa Ciência Viva no Verão, a decorrer em Silves, terá lugar no dia 29 de agosto e convida os interessados em astronomia a “partilhar o prazer de descobrir a Lua, Estrelas, Planetas e muito mais!”, com a “ajuda de telescópios”.

O ponto de encontro é no Parque Ribeirinho de Silves, a partir das 21h. A participação é livre.

O programa Ciência Viva no Verão 2018 teve início a 15 de julho e estender-se-á até 15 de setembro, com atividades em todo o país e sobre diversas temáticas.

Veja Também

Festa religiosa em Armação de Pêra

Em Armação de Pêra irá decorrer a Festa em Honra da Nossa Senhora dos Aflitos …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *