Home / Economia & Emprego / Economia (página 56)

Economia

A ditadura da finança

“A salvação dos bancos a todo o custo, fazendo pagar o preço à população, sem a firme decisão de rever e reformar o sistema inteiro, reafirma um domínio absoluto da finança que não tem futuro e só poderá gerar novas crises de uma longa, custosa e aparente cura. A crise financeira de 2007 e 2008 era a ocasião para o desenvolvimento de uma nova economia mais atenta aos princípios éticos e para uma nova regulamentação da atividade financeira especulativa e da riqueza virtual. Mas não houve uma reação que fizesse repensar os critérios obsoletos que continuam a governar o mundo.” …

Ler Mais »

Câmara pede opinião aos munícipes sobre requalificação do Casino de Armação

  Está a decorrer, até ao final do mês de fevereiro de 2016, uma auscultação pública sobre o futuro do antigo Casino de Armação de Pêra. O que deverá ser este espaço e em que moldes deve ser feita a sua requalificação são as questões que a autarquia apresenta aos munícipes. De acordo com Rosa Palma, presidente da CMS, “o Município considera importante a requalificação do antigo casino de Armação de Pêra, por se tratar de um equipamento emblemático, de elevado valor histórico e arquitetónico, que constitui uma referência na malha urbana em que se insere, bem como parte integrante …

Ler Mais »

Apoio ao arrendamento jovem – com candidaturas abertas

  O próximo período de candidaturas ao sistema de apoio financeiro ao arrendamento por jovens Porta 65 Jovem irá decorrer até ao dia 11 de janeiro de 2016. Como habitualmente, a Câmara Municipal de Silves (CMS) presta, através do seu sector de Juventude, apoio no preenchimento e na submissão das candidaturas, informa a autarquia. «Poderão candidatar-se a este programa todos os jovens com idade igual ou superior a 18 anos e inferior a 30 devendo, para o efeito, proceder à marcação prévia do apoio ao suprimento da sua candidatura junto do sector de Juventude da CMS (localizado na Rua Dr. …

Ler Mais »

Concelho de Silves perde poder de compra

Em 2011, o concelho de Silves ocupava o 143º lugar na tabela que analisa o Poder de Compra Concelhio. Nos dados de 2013, que o INE divulgou há poucos dias, o concelho desceu para a 163ª posição, muito abaixo da média nacional. O “Estudo sobre o Poder de Compra Concelhio EPCC 2013”, realizado pelo Instituto Nacional de Estatística, tem como “objetivo caracterizar os municípios portugueses relativamente ao poder de compra, numa aceção ampla de bem-estar material”. São disponibilizados três indicadores — Indicador per Capita, Percentagem de Poder de Compra e Fator Dinamismo Relativo. No caso do concelho de Silves, o …

Ler Mais »

Autocaravanismo- área de Silves inaugurada e outras a avançar

    As áreas de serviço de autocaravanas são um mercado em crescendo que estimula e promove a economia local. Acarretam um reforço do fluxo turístico, estimulam e animam o comércio local nas suas diferentes vertentes. Em Silves, S. Bartolomeu de Messines e S. Marcos da Serra novos projetos estão a avançar. Nos últimos anos, a cidade de Silves tem sido particularmente escolhida por centenas de autocaravanistas, que aqui passam vários meses. A convivência com a cidade e seus habitantes nem sempre tem sido pacífica, falando-se até numa “praga” devido ao desordenamento verificado nas áreas escolhidas para o estacionamento das …

Ler Mais »

A identidade da Vila

No momento em que escrevo estas linhas, a vila de São Bartolomeu de Messines prepara-se para iniciar a sua 10ª Semana Gastronómica. Esta Semana Gastronómica é um excelente exemplo do caminho que a vila terá de trilhar para a sua afirmação regional. O evento tem a particularidade de, não só atrair gentes de fora da vila e do concelho que se procuram deliciar com as iguarias preparadas pelos nossos restaurantes, como também envolver as pessoas de Messines, que nesta altura, aproveitam para conhecer e provar novos pratos. Por outro lado, a Semana Gastronómica celebra os sabores mais tradicionais e únicos, …

Ler Mais »

Município de Silves com orçamento aprovado para 2016

O Orçamento e as Grandes Opções do Plano (GOP) do Município de Silves para o ano de 2016 foram aprovados na última Assembleia Municipal ordinária que teve lugar no dia 19 de Novembro, após a sua viabilização em reunião de câmara realizada em 4 de Novembro. A proposta foi aprovada com votos a favor da CDU e do eleito do BE, e a abstenção do PSD e PS, que mantiveram a posição tomada em sede de executivo camarário. O montante global do orçamento situa-se nos 36,9 milhões de euros, num valor que ultrapassa em 4,3 milhões de euros o orçamento …

Ler Mais »

Câmara de Silves aprova orçamento

O orçamento da Câmara Municipal de Silves para o ano de 2016, no montante global de 36,9 milhões de euros, foi aprovado em reunião do executivo municipal, realizada no dia 4 de novembro do corrente. A deliberação foi tomada com os votos a favor da CDU, e a abstenção dos vereadores do PSD e PS. O orçamento aprovado será agora enviado para aprovação na Assembleia Municipal de Silves.

Ler Mais »

Autarquia aprova IMI Familiar e outras taxas

A Câmara Municipal de Silves aprovou a redução do IMI para famílias, o chamado “IMI Familiar” na reunião do dia 28 de outubro. No mesmo dia foram aprovados os valores da taxa do direito municipal de passagem, bem como as propostas do IMI para 2016 e da participação variável do IRS. Estas decisões do executivo camarário seguirão agora para aprovação final na Assembleia Municipal de Silves que se realizará durante o mês de novembro. Já a votação do orçamento da Câmara para 2016 foi novamente adiada, para a reunião do dia 4 de novembro, por proposta dos vereadores da oposição. …

Ler Mais »

O fim da eficiência e a eficiência como fim.

As ruas das vilas e das cidades de interior esvaziam cada vez mais, um pouco de cada vez. A tendência é assinalada não só por políticos locais e académicos, atentos aos indicadores demográficos e económicos, mas também pelas gentes que calcorreiam essas ruas diariamente, cujos filhos e netos abandonam essas mesmas ruas para as grandes cidades no litoral. É uma tendência verificada a nível mundial: é cada vez mais a concentração da população juntos dos centros urbanos. Esta é uma realidade reconhecida e muitas vezes, incentivada por políticas públicas, não obstante o facto de ouvirmos regularmente atores políticos repudiarem publicamente …

Ler Mais »