Balanço da Operação “RoadPol – Alcohol and Drugs” – Álcool e drogas

A Guarda Nacional Republicana (GNR), entre o dia 4 e 10 de maio, no âmbito do planeamento anual efetuado pela RoadPol, realizou uma operação de fiscalização intensiva da condução sob efeito do álcool e substâncias psicotrópicas, com o objetivo de promover comportamentos mais seguros por parte dos condutores e diminuir a sinistralidade rodoviária grave, em todo o território nacional continental.

Desta forma, os militares dos Comandos Territoriais e da Unidade Nacional de Trânsito (UNT) que diariamente estiveram empenhados no patrulhamento rodoviário fiscalizaram  35 249 condutores neste período, tendo registado os seguintes dados operacionais no âmbito desta operação:

  • 578 autos de contraordenação por condução sob influência de álcool, com uma taxa de álcool no sangue inferior a 1,2 g/l;
  • 287 crimes por condução em estado de embriaguez, com uma taxa de álcool no sangue igual ou superior a 1,2 g/l.

Relativamente às substâncias psicotrópicas, foram ainda testados 111 condutores, tendo sido detetados dois casos positivos, os quais se encontram a aguardar confirmação laboratorial.

No decorrer desta operação foi ainda registado um total de 10 672 autos de contraordenação nas estradas portuguesas, dos quais se destacam:

  • 2 744 por excesso de velocidade;
  • 770 por falta de inspeção periódica obrigatória;
  • 477 por falta ou incorreta utilização do cinto de segurança e/ou sistema de retenção por crianças;
  • 341 por uso indevido do telemóvel no exercício da condução.

Para além dos 287 crimes por condução em estado de embriaguez, foram ainda registados 124 crimes por condução sem habilitação legal.

Fonte: GNR

Veja Também

Concurso Desafios d’ Escrita tem novos vencedores, de Armação de Pêra e Messines

O Município de Silves continua a promover, junto dos Polos de Educação ao Longo da …

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *