AMAL aprovou orçamento para 2022- alterações climáticas será uma das bandeiras

As Grandes Opções do Plano (GOP) e Orçamento da Comunidade Intermunicipal do Algarve para 2022, que ronda os 4 milhões e 700 mil euros, foram aprovados na passada sexta-feira, dia 3, na reunião do Conselho Intermunicipal. O valor vai permitir implementar o Plano Intermunicipal de Adaptação às Alterações Climáticas – PIAAC, continuar a promover a mobilidade na região e a reforçar o Gabinete Florestal da AMAL na defesa das florestas e meio rural.

O próximo ano será um ano de afirmação da AMAL, enquanto Autoridade Regional de Transportes, com a entrada recente em funcionamento da concessão do serviço público de transporte rodoviário de passageiros – VAMUS. Será promovido o transporte a pedido, de forma a cobrir a totalidade do território e, ainda na área da mobilidade, a AMAL continuará a gerir, na região, o Programa de Apoio à Redução Tarifária (PART) nos transportes públicos, prevendo-se também a introdução do passe único intermodal.

A área das alterações climáticas continuará a ser uma das bandeiras da AMAL, sendo que 2022 será o de arranque da implementação do Plano Intermunicipal de Adaptação às Alterações Climáticas (PIAAC), com o desenvolvimento do projeto AwK – Adaptation with Knowlegde.

O próximo ano será ainda marcado pela gestão dos 35 milhões de euros que, no âmbito do Programa de Recuperação e Resiliência, a Comunidade Intermunicipal do Algarve – AMAL vai receber para reabilitar e otimizar as redes de abastecimento do território até 2025.Outro dos pontos fortes prende-se com o assumir a responsabilidade na proteção e defesa das florestas e do meio rural, sendo reforçado o Gabinete Florestal da AMAL e a Brigada de Sapadores Florestais.

Para além destas áreas, a AMAL continuará a desenvolver as atividades que já vêm de anos anteriores, nomeadamente a contratualização no âmbito do CRESC Algarve, o Algarve Digital, o Plano de Ação e Desenvolvimento de Recursos Endógenos, a Rede InvestAlgarve, a Central de Compras, a Formação Profissional, entre outras atividades nas quais tem, progressivamente, vindo a intervir.

2022 será ainda fundamental, considerando o início do novo período de programação europeia (2021-2027) e pelo encerramento do período 2014-2020. Nunca o Algarve dispôs de tantos meios como os que agora são anunciados, cabendo à AMAL responsabilidades acrescidas na operacionalização de novos instrumentos e do sucesso da sua execução.

O Orçamento, no valor de 4.673,548€ e as Grandes Opções do Plano (GOP) para 2022 da AMAL, o Plano de Recrutamento e Mapa de Pessoal seguem para votação na Assembleia Intermunicipal, na reunião extraordinária deste órgão, previsivelmente a decorrer em janeiro.

Fonte: AMAL

Veja Também

GNR inicia Campanha “Taxa Zero ao Volante”

A Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária (ANSR), a Guarda Nacional Republicana (GNR) e a Polícia …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *