Já foram vacinados mais de 11 mil bombeiros e 7 mil elementos das forças de segurança

Mais de 7 mil elementos das forças de segurança e mais de 11 mil bombeiros, entre os quais algumas dezenas de bombeiros do concelho de Silves, em situação de atividade, já receberam a primeira dose da vacina contra a Covid-19, dando cumprimento ao definido no plano de vacinação para funções essenciais do Estado.

Como informa o Ministério da Administração Interna  “o processo de vacinação de 15 mil bombeiros teve início no passado dia 11 de fevereiro e foram já vacinados 11.061 bombeiros.”

Bombeiros de Messines foram vacinados no dia 11 de fevereiro (Foto BVSBM)

Os bombeiros, “dada a dimensão operacional do transporte pré-hospitalar que executam, desempenham uma função essencial do Estado e por isso estão a ser vacinados ao longo de duas semanas. A ordem de vacinação destes bombeiros foi definida pela Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil com base em critérios operacionais e abrange o universo de voluntários, sapadores e municipais.

A vacinação dos elementos das Forças de Segurança – 10 mil da Guarda Nacional Republicana (GNR) e 10 mil da Polícia de Segurança Pública (PSP) – teve início no passado sábado, dia 13 de fevereiro, e prolonga-se por quatro semanas.

Até ao final do dia de ontem, já tinham sido vacinados 3.418 elementos da GNR e 3.638 elementos da PSP.

O planeamento deste processo de vacinação foi elaborado de forma articulada entre a GNR e a PSP, coordenado pelo Ministério da Administração Interna.”

A ordem dos elementos a vacinar foi definida pela GNR e pela PSP, com base em critérios operacionais – priorizando militares e agentes na linha da frente e mais expostos aos riscos do Coronavírus – e também critérios de saúde – com prioridade a elementos que sofrem das comorbilidades/patologias listadas pela Direção Geral de Saúde.

Veja Também

Inaugurado novo serviço de cardiologia no Hospital de Faro

O Centro Hospitalar Universitário do Algarve inaugurou ontem dia 17 de fevereiro, as obras de …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *