Algarve alivia restrições e entra em situação de alerta

O Algarve e a generalidade do país entra hoje em situação de alerta no que respeita à pandemia provocada pela COVID-19. Apenas a Área Metropolitana de Lisboa, as 19 freguesias de Lisboa, Sintra, Amadora, Odivelas e Loures permanecem com medidas mais restritivas, aplicadas ao estado de contingência e calamidade, devido ao elevando número de doentes que têm surgido nas últimas semanas.

A situação de alerta em que nos encontramos agora é o nível mais baixo de intervenção previsto pela Proteção Civil, mas impõe, ainda assim, algumas regras

– Confinamento obrigatório domiciliário ou hospitalar para pessoas infetadas com covid-19 ou sujeitas a vigilância ativa

-Mantêm-se as regras de distanciamento físico, uso de máscara, lotação, horários e higienização.

– Ajuntamentos limitados a 20 pessoas.

-Proibição de consumo de álcool na via pública

– Contraordenações para pessoas singulares (100 a 500€); e  para pessoas coletivas (1000 a 5000€).

Veja Também

Abertas as inscrições para as IV Jornadas Técnicas Associativas

A Direção Regional do Algarve do IPDJ, organiza as IV jornadas Técnicas Associativas, que vão …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *