Suspeito do caso Maddie terá vivido perto de Silves, a sua carrinha foi encontrada em Messines

A carrinha branca, com uma faixa amarela, pertencente ao homem que é agora identificado como o principal suspeito no caso do rapto de Madeleine McCann, foi encontrada numa sucata ilegal, na zona do Barrocal, na freguesia de São Bartolomeu de Messines.
A notícia foi avançada pela SIC Notícias que acrescenta que o suspeito, Christian Brueckner, já depois do desaparecimento de Maddie e de ter deixado Portugal, terá regressado e passado a viver nos arredores de Silves.

Segundo as informações que têm sido divulgadas pela polícia, o alemão, de 43 anos, terá vivido em Portugal por diversos períodos, entre 1995 e 2007. Atualmente encontra-se a cumprir pena na Alemanha, acusado de vários crimes, entre os quais sexuais, mas as autoridades têm provas de que se encontrava na zona da Praia da Luz, no dia do desaparecimento de Maddie.

A investigação está a envolver as polícias alemã, portuguesa e inglesa e as autoridades apelam a quem tenha alguma informação sobre este homem que entre em contacto.

Veja Também

COVID-19 – Algarve com mais 85 casos e mais 1 óbito

O Algarve regista hoje 85 novos casos de Covid-19, o que faz um total acumulado …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *