Microempresas vão ter apoios até 5.000 euros

O Governo vai lançar um programa de apoio às microempresas que prevê uma ajuda financeira que pode ir até aos 5.000€, com subsídios a fundo a perdido até 80%.
O objetivo é favorecer as condições para a retoma da atividade destas empresas e apoiar a criação de condições sanitárias adequadas ao combate à propagação da COVID-19. A aquisição de equipamentos de proteção individual e de higienização ou a criação de serviços de entrega ao domicílio ou de de mecanismos de teletrabalho, são exemplos de despesas que podem ser apoiadas.

O anúncio deste programa foi feito por Nelson de Souza, ministro do Planeamento, no dia 2 de maio, no decorrer da cerimónia de assinatura entre a Confederação do Comércio e Serviços de Portugal e a Direção Geral de Saúde de um protocolo de boas práticas a aplicar pelas empresas contra a pandemia.

Segundo o ministro, o processo de candidatura a este programa será simplificado, dependendo apenas da apresentação de um orçamento. Os montantes serão disponibilizados em dois momentos, sendo que 50% do valor será pago adiantado e o restante mediante um comprovativo da despesa realizada, confirmada por um contabilista certificado.

Veja Também

União das Freguesias de Algoz e Tunes está a contratar

A União das Freguesias de Algoz e Tunes tem aberto um concurso de recrutamento para …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *