Home / Sociedade / Ambiente & Ciência / Miradouro do Lince Ibérico vai ser digital

Miradouro do Lince Ibérico vai ser digital

O Miradouro do Lince Ibérico que possibilitava ao público observar de longe os animais que se encontram no Centro Nacional de Reprodução do Lince Ibérico de Silves (CNRLI) vai ser substituído por uma aplicação digital, embora se prepare também a sua reabilitação.

Linces em Silves – Foto ICNF

Este miradouro, inaugurado em 2009, ardeu por completo no grande incêndio de Monchique e Silves, no verão de 2018, e não beneficiou até agora de nenhuma obra de recuperação, havendo apenas entulho no seu lugar, como o Terra Ruiva noticiou em novembro de 2019.
Recentemente, o Instituto de Conservação da Natureza e Florestas (ICNF) anunciou que irá lançar uma aplicação digital que permitirá a qualquer pessoa acompanhar a atividade do CNRLI. Recorde-se que não são permitidas visitas ao CNRLI de Silves para que os animais, cuja maioria será solta em liberdade, não se habitue à presença das pessoas, razão pela qual foi construído o miradouro agora em ruínas.
No entanto, apesar da criação da nova aplicação, existe também a intenção de reerguer o miradouro, criando uma zona de repouso neste ponto que está inserido na Via Algarviana.
Estes projetos contam com a colaboração da Câmara Municipal de Silves, entidade que também já anunciou a instalação de um Centro Interpretativo do Lince Ibérico na cidade de Silves.

Partilhe nas redes socias:
Share on Facebook
Facebook
0Pin on Pinterest
Pinterest
0Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin

Veja Também

GNR vai reforçar o patrulhamento para a prevenção de incêndios rurais

Face ao agravamento do risco de ocorrência incêndios rurais previsto para os próximos dias, a …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *