Home / Sociedade / Cultura / Manuel Neto dos Santos comemorou 30 anos de carreira literária, com edição de obra poética

Manuel Neto dos Santos comemorou 30 anos de carreira literária, com edição de obra poética

o momento comemorativo

Sérgio Brito, da Arandis Editora, Manuel Neto dos Santos e Rosa Palma, presidente da Câmara de Silves

Trinta anos após a edição de ” O Fogo, A Luz e A Voz”, o escritor silvense elegeu Alcantarilha seu lugar de berço e de Poesia, para apresentar a sua última obra poética “Canto Crescente”, e prevaleceu-se da ocasião para, através de um gesto simbólico, doar publicamente parte do seu espólio de manuscritos à Câmara Municipal de Silves.
O momento comemorativo teve lugar no passado dia 20 de Janeiro e foi marcado pelas presenças de inúmeros amigos do poeta, dos presidentes da Juntas de Freguesia de Alcantarilha e São Bartolomeu de Messines e da presidente da Câmara Municipal de Silves, Rosa Palma, que congratulou o autor e o seu percurso literário, tendo destacado o importantíssimo papel da escrita, da poesia e da cultura como indutores de crescimento intelectual do homem e da sociedade global.

a obra e a edição
A Editora Arandis acaba de lançar “ Canto Crescente ” a última obra poética de Manuel Neto dos Santos, assinalando 30 anos de carreira do escritor algarvio.
Canto Crescente surge em homenagem a Mário Carmo dos Santos, pai do autor, e, segundo as palavras de Manuel Neto dos Santos, é uma obra poeticamente essencial, intensamente complexa, cheia de imagens intencionais e recorrentes, que se apresentam como um regresso ao indizível, e ao intransponível.
A meu ver, Canto Crescente, será por certo símbolo oculto de um retorno entre o ser, e o estar com a poesia.

Texto: Hélia Coelho
Foto: Nuno Campos Inácio

Veja Também

Dia Mundial da dança em Armação de Pêra, com aulas livres

A Associação de Dança Stam celebra o Dia Mundial da Dança, com aulas de Hip …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *