Home / Sociedade / Educação / Missão “BE (É) POSSÍVEL” continua em Silves

Missão “BE (É) POSSÍVEL” continua em Silves

De 22 a 26 de outubro de 2018, 22 alunos e 12 professores oriundos de 5 países (Portugal, Croácia, Bulgária, Roménia e Polónia) participaram num encontro de formação (LTT – Learning/teaching/training activities) do projeto ERASMUS ABEEC que se realizou em Silves.

Este interessante projeto, coordenado pela First Private School Leonardo da Vinci Ltd, da Bulgária, está agora no início do 2.ºano de projeto. A participação em vários workshops sobre criação de personagens, ilustração, banda desenhada, animação e criação de jogos interativos é o ponto de partida para o trabalho final que consiste, neste segundo ano, na produção de uma banda desenhada e de um jogo interativo. O mote é a história de uma abelha aventureira que tem como preocupação e missão evitar uma catástrofe ambiental eminente, nos vários países referidos.
A formação, com a duração de 5 dias, decorreu nas escolas E.B. 2,3 Dr. Garcia Domingues e Secundária de Silves. Com um programa bastante preenchido, os alunos e professores tiveram contacto com um conjunto de técnicas que, numa fase posterior, serão desenvolvidas e aprimoradas, junto dos seus colegas de Escola, em cada um dos países. Na dinamização das oficinas de formação estiveram envolvidos professores do Agrupamento de Escolas de Silves, alunos do curso Multimédia da Escola Secundária de Silves e outros docentes convidados.

O objetivo principal do projeto ABEEC – Abordagem Artística à Educação Empresarial, Empreendedorismo e Cultura – é desenvolver as habilidades empreendedoras dos alunos e a sua consciência ecológica, através das artes. Assim, de uma forma informal, os adolescentes estabelecem um primeiro contacto no campo da economia, merchandising e distribuição criativa, através da criação, produção e venda de produtos transformados em arte.

O projeto tem a duração de dois anos. No primeiro ano, os alunos do 7.ºB (agora 8.ºB) da Escola E.B. 2, 3 Dr. Garcia Domingues, com a participação e colaboração de alunos de outras turmas, haviam estreado a peça “MISSSÃO B(É) POSSÍVEL”, no Teatro Mascarenhas Gregório, escrita com o contributo dos membros dos 5 países. Para além de todo um trabalho em volta da criação e encenação deste momento cultural, foi, ainda, criada pelos alunos uma vasta gama de artigos para divulgação e promoção da peça, a partir de material reciclado. O produto final das vendas resultou numa simbólica, mas importante quantia monetária que será, durante este ano letivo, doada para fins de beneficência a uma instituição da região.
Neste último ano do projeto, os alunos continuarão a trabalhar num contexto interdisciplinar que culminará com a apresentação de uma banda desenhada sobre uma parte da história que os alunos portugueses escreveram e com um jogo interativo a partir da banda desenhada produzida por um dos países parceiros.
Erasmus+ 2017-1-BG01-KA219-036227

Instituições envolvidas:
Agrupamento de Escolas de Silves – Portugal
First Private School Leonardo da Vinci Ltd – Bulgária
Osnovna skola Prelog – Croácia
Convitto Nazionale di Stato di Palermo “Giovanni Falcone” – Itália
Szkola Podstawowa w Bolminie – Polónia
Scoala Gimnaziala Mihai Eminescu – Roménia

Nuno Garção (Texto e Fotos)

Veja Também

Segurança Social em Messines, sem condições, afirma o PCP

O deputado do PCP, Paulo Sá, questionou recentemente o Governo sobre as deficientes condições de …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *