Home / Sociedade / Política / BE questiona o Governo sobre o cais fluvial de Silves

BE questiona o Governo sobre o cais fluvial de Silves

O deputado do Bloco de Esquerda, João Vasconcelos, questionou o Governo sobre as “necessárias intervenções no cais fluvial de Silves”, que se encontra degradado.
Segundo este deputado, este cais de embarque e desembarque localizado frente ao mercado municipal, “é uma das infraestruturas de apoio à náutica de recreio localizada no concelho de Silves, cuja autoridade portuária é da competência da Docapesca, empresa do setor empresarial do Estado, que por seu turno é tutelada pelo Ministério do Mar”.

“Em causa está o estado de degradação visível a que chegou aquela infraestrutura, não apresentando condições de segurança para os utentes, nem para o atracamento das embarcações de recreio e turísticas que o usam com regularidade, no âmbito de passeios turísticos. A estas situações acresce o facto da maioria dos utentes – visitantes de faixa etária mais idosa com mobilidade condicionada -, não ter qualquer equipamento de apoio ao embarque e desembarque destas pessoas, quer através de rampa, ou outra solução”, afirma o BE.

“O cais necessita de uma intervenção urgente para ser adaptado às limitações do público que o usa com maior regularidade, assim como para suprir as carências de segurança visíveis”, defende o deputado algarvio.
João Vasconcelos afirma que “muitos proprietários de embarcações têm manifestado, frequentemente, reclamações a favor das obras no cais. Por outro lado, já foram apresentadas moções na Assembleia Municipal de Silves e reclamações junto desta Câmara Municipal para que o problema seja solucionado sem demora”.

Ao Governo, o deputado do BE pergunta se tem conhecimento da situação e se o Ministério do Mar irá intervir para a realização de obras no cais de Silves e quando isso acontecerá.

Veja Também

Cinema ao ar livre em Alcantarilha

O ciclo de “Cinema ao Ar livre” passa no sábado, dia 14 de julho, pelo …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *