Home / Sociedade / Cultura / 30º Aniversário do Grupo de Teatro Penedo Grande

30º Aniversário do Grupo de Teatro Penedo Grande

O Grupo de Teatro Penedo Grande comemora o 30º aniversário, no dia 8 de dezembro, com um programa de atividades.
Nascido a 8 de dezembro de 1986, este grupo, que inicialmente se apresentava como grupo de teatro da Sociedade de Instrução e Recreio Messinense, onde ensaia desde sempre, apresentou o seu primeiro espetáculo um ano depois da sua constituição, a 8 de dezembro de 1987.
“A Casa de Bernarda Alba”, de Federico Garcia Lorca foi a primeira peça que o grupo apresentou.

A partir de 1987, levou à cena mais de 30 diferentes peças, principalmente de autores portugueses, e dezenas de outros trabalhos encenados, de poesia e teatro. Em diferentes períodos teve também uma Secção Infantil a funcionar que apresentou diversos espetáculos.
São centenas os espetáculos em que o Grupo de Teatro Penedo Grande promoveu e participou, em dezenas de localidades no Algarve, Alentejo e Lisboa.
Teve como fundadora Lisete Martins que ainda assume a função de presidente do Grupo, contando com muitos elementos destacados que acompanham este percurso desde os primeiros tempos, como Vítor Gonçalves. Atualmente, procura renovar-se com o intuito de não deixar morrer todo o valioso património acumulado.

No programa do dia 8, que terá lugar na Sociedade de Instrução e Recreio Messinense, constam as seguintes atividades:
– 15 H- Inauguração da Exposição Fotográfica “30 anos de Penedo Grande”
16H- Excerto da peça “As lágrimas amargas de Petra Von Kant”, de Rainer W. Fassbinder, pelas atrizes Mariana Justino e Filipa Sequeira (Grupo de Teatro Penedo Grande)
16H30- Apresentação da peça “Auto da Índia”, pela companhia Krisálida, convidada do AL Teatro

21h30- Apresentação da peça “Auto da Índia” pela companhia Krisálida, convidada do AL Teatro.

 

A entrada é livre.

PartilharShare on Facebook5Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Email this to someonePin on Pinterest0

Veja Também

Memórias Breves ( 1)

ARMAND GUIBERT foi um amigo que guardo pela terra, homenageei-o na cidade de Lyon. Lá …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *