Home / Sociedade / Cultura / António Chainho em Silves

António Chainho em Silves

António Chainho estará em Silves, no dia 6 de maio, pelas 21h30, no Teatro Mascarenhas Gregório, para uma noite “marcada por uma performance-recital em formato trio que inclui músicas marcantes” da sua carreira de 50 anos.

António Chainho, que é assim o próximo convidado da rúbrica Lado B, apresenta-se em Silves com “companheiros de há muito tempo, o multi-instrumentista (acordeão e baixo) e diretor musical Ciro Bertini e o viola Tiago de Oliveira, ambos músicos de eleição, que conhecem melhor do que ninguém a mágica forma de tocar do Mestre António Chainho e o trinar da sua guitarra”.

Os ingressos têm um custo associado de 8 euros, podendo ser adquiridos antecipadamente no Museu Municipal de Arqueologia de Silves.

 

António Chainho

No dia 31 de maio de 2016, no palco do Tivoli o mestre António Chainho presenteou o público com um concerto comemorativo dos seus 50 anos de carreira. São 50 anos a presentear os amantes da música com variações tocadas com mestria, com o virtuosismo que lhe é reconhecido internacionalmente e com a alma.

O disco “Cumplicidade” de 2015 é um tributo à viagem de uma vida, de toda a sua carreira e que expressa uma visão muito própria sobre o lugar da Guitarra Portuguesa no mundo da música.

Em 50 anos de carreira o mestre realizou centenas de apresentações ao vivo, participações na tv, e na rádio onde se destaque as colaborações na “Emissora Nacional” em que na 2ª metade dos anos 60 dinamizava um programa de guitarradas ao vivo. A solo publicou discos como “Lisboa – Rio” e “A Guitarra e Outras Mulheres”, onde teve colaborações de artistas conceituados no Brasil, como Ney Matogrosso e Elba Ramalho e outros em Portugal como Teresa Salgueiro e Filipa Pais. Destaque ainda para a publicação de um grandioso registo ao vivo gravado no CCB, que contou a participação de Marta Dias e para uma colaboração no álbum “Red Hot Lisboa” da conceituada cantora Canadiana KD Lang.

Veja Também

Antigo Celeiro no Algoz transformado no Centro Cultural d’Athaide Oliveira

A Associação Patrimonial do Algoz – APA inaugurou, no dia 5 de outubro, o novo …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *