Home / Sociedade / Cultura / “Video Lucem” mostra “Visões” na Sé de Silves

“Video Lucem” mostra “Visões” na Sé de Silves

O Cineclube de Faro traz à Catedral de Silves, no dia 6 de janeiro, pelas 21h30, o filme “Visão, A Vida de Hildegard Von Bingen”, da realizadora alemã Margarethe Von Trotta.

Este filme aborda a vida e obra de Hildegard von Bingen, freira beneditina que foi compositora, dramaturga, médica, poeta, naturalista e cientista, descrita por São João Paulo II como «uma luz para o seu povo e para o seu tempo» que «continua a brilhar com mais intensidade ainda hoje». Realizado por Margarethe von Trotta, considerada como a força condutora do novo cinema alemão, que se tem dedicado a retratar a vida e obra de algumas mulheres de grande influência no mundo, este filme integra uma seleção feita propositadamente para o projeto VIDEO LUCEM, que leva às Igrejas Algarvias a sétima arte.cartaz-video-lucem

“Video Lucem” integra o programa Algarve 365 (promovido pelo Turismo de Portugal e o Ministério da Cultura) e conta com o apoio da Direção Regional de Cultura do Algarve, da Câmara Municipal de Silves e da Diocese do Algarve, através dos sectores da Pastoral do Turismo e da Pastoral da Cultura e da Paróquia de N. Sra. da Conceição de Silves.

«Este filme é um dos vinte e dois que serão exibidos entre os meses de novembro e maio, procurando que todos os espectadores do “Video Lucem” – que significa “vejo a luz” – possam perceber a relação existente entre Cinema e Religião, tendo precisamente a luz como elemento de convergência, enquanto símbolo da Revelação, do Sagrado e do Divino no cristianismo e, simultaneamente, enquanto fator determinante para o cinema e para a sua materialização. Por isso, as escolhas feitas pelos programadores deste projeto procuram trazer para as sessões uma perspetiva cinematográfica da espiritualidade (ou será uma perspetiva espiritual do Cinema?) e oferecer um conjunto de obras de referência da História do Cinema, intemporais e essenciais por si só, mas cujo enquadramento e a relação que instituem, quer entre si, quer com cada igreja que os acolhem, constituirão oportunidades únicas e irrepetíveis para todos os espetadores de poderem perceber essa relação da arte e do sagrado ou, como dizia Fellini, poderem ver o cinema.»

 

Veja Também

Samuel Úria em concerto, em Silves

Samuel Úria estará em Silves no dia 7 de dezembro, onde atuará no Teatro Mascarenhas …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *