Home / Vida / Pessoas / Dia Internacional para a Erradicação da Pobreza, com iniciativa em Silves

Dia Internacional para a Erradicação da Pobreza, com iniciativa em Silves

No dia 17 de outubro comemora-se o Dia Internacional para a Erradicação da Pobreza, com uma iniciativa em Silves, contra o desperdício alimentar.
Esta ação irá decorrer das 9h30 às 11h30, no Mercado Municipal de Silves, e conta com a participação da chef Cátia Santos.

Será também inaugurada uma Exposição Fotográfica cedida pela EAPN – Rede Europeia Anti-Pobreza- Núcleo de Faro.
Esta iniciativa é organizada pela associação Castelo de Sonhos, com o apoio da Câmara Municipal de Silves e Junta de Freguesia de Silves, com o apoio da EAPN – Rede Europeia Anti-Pobreza- Núcleo de Faro.

Também a Associação In Loco, que está a colaborar com a EAPN, tem participado no projeto europeu “Não Desperdice o Nosso Futuro”, e estará nesse dia em Silves para apresentar alguns dados sobre o trabalho que tem desenvolvido.

«Em 2013, o total do desperdício alimentar no Mundo foi de 1,3 mil milhões de toneladas por ano, o que equivale a 30% da superfície agrícola do planeta. Esta quantidade daria para alimentar os 925 milhões de pessoas que todos os dias vivem em insegurança alimentar (805 milhões passam fome, dos quais 160 milhões são crianças).

Estima-se que o desperdício alimentar na Europa seja de 89 milhões de toneladas por ano. Entre 30 e 40% dos alimentos produzidos neste continente não chegam ao consumidor, sendo perdidos ao longo de toda a cadeia. São 179 quilos por habitante, 42% dos quais produzidos em casa do consumidor final.

Em Portugal desperdiça-se um milhão de toneladas de alimentos por ano, ou seja, o equivalente a 1/5 da produção total. Estes dados indicam que cada português desperdiça em média 132 Kg de comida por ano. Cerca de 50.000 refeições acabam diariamente no lixo, ao mesmo tempo que 360.000 pessoas passam fome.

Face ao exposto, a In Loco considera essencial lançar um apelo público, para que todos tenham uma atitude de consumo mais responsável e que contribua para a redução do Desperdício Alimentar. Esta é uma matéria de extrema relevância, que deve merecer o desenho de políticas públicas específicas, capazes de enfrentar os dilemas éticos, sociais, económicos e ambientais causados por este flagelo.

Este é o Ano Nacional de Combate ao Desperdício Alimentar e durante o mês de outubro celebra-se ainda o Dia Mundial da Alimentação e a Semana Europeia de Combate à Pobreza. São todos bons argumentos para apelar a uma mobilização das instituições e da sociedade para uma atuação conjunta sobre as matérias em apreço.

Neste âmbito, a In Loco e os restantes parceiros do projeto “Não Desperdice o Nosso Futuro” convocam todos os interessados a subscreverem a Carta Europeia 2015, disponível no seguinte endereço www.dontwaste.eu/charter ».

Veja Também

APAV assinala Dia Internacional da Pessoa Idosa lembrando que violência está a aumentar

A APAV associa-se, uma vez mais, à iniciativa anual do Dia Internacional da Pessoa Idosa,  …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *