Home / Vida / Saúde & Bem Estar / Campanha para a importância do consumo do pescado, da APN e Docapesca

Campanha para a importância do consumo do pescado, da APN e Docapesca

A Associação Portuguesa dos Nutricionistas ( APN) e a Docapesca têm estado a promover a importância do consumo do pescado, tendo lançado um livro digital que mostra os benefícios nutricionais e o impacto na saúde que tem o pescado.

pescar saudeO livro que está disponível no site da APN e da Docapesca (https://we.tl/0YJNG2VYDQ) tem como objetivo sensibilizar os portugueses para o consumo de peixe e dá a conhecer as características e os benefícios nutricionais do pescado.

Neste e-book são ainda apresentadas diversas informações sobre as espécies mais transacionadas no mar português.

 

Segundo os dados mais recentes da Balança Alimentar Portuguesa, as disponibilidades de peixes diminuíram em 13% e as de crustáceos/moluscos diminuíram em 27%.
É verdade que Portugal é um dos países da Europa com maior consumo médio de peixe, no entanto, dados de 2011 revelam que a população consome maior quantidade de carne do que de pescado, pelo que ainda há um longo caminho a percorrer e muito trabalho a fazer na promoção do consumo de pescado.

Segundo Célia Craveiro, Presidente da Direção da Associação Portuguesa dos Nutricionistas: “A Roda dos Alimentos recomenda o consumo diário de alimentos do grupo das carnes, pescado e ovos. Sabemos que os portugueses consomem menos pescado que carne, pelo que o consumo de pescado deve ser incentivado, sobretudo em faixas etárias mais jovens. Defendemos que se trata de um alimento muito rico nutricionalmente, pelo que apresenta um impacto bastante positivo na saúde.”

De acordo com Isabel Guerra, vogal do Conselho de Administração da Docapesca: “No momento da seleção do pescado para consumo será importante procurar informação sobre a sua origem, na etiqueta colocada junto ao mesmo. Ao escolher espécies transacionadas nas LOTAS portuguesas, identificadas com a Etiqueta Azul do CCL – Comprovativo de Compra em Lota, está a adquirir pescado capturado nas águas portuguesas, pela frota de pesca portuguesa, respeitando os tamanhos mínimos e as quotas de pesca, contribuindo assim para alavancar a economia nacional e potenciando um consumo mais responsável e consciente.”

O pescado é um tipo de alimento que apresenta inúmeras vantagens em termos nutricionais, pois é uma importante fonte de proteínas de elevado valor biológico, vitaminas e minerais, ácidos gordos ómega-3 e baixa quantidade de ácidos gordos saturados, o que contribui para a proteção do organismo e para a prevenção de diversas doenças, entre as quais as Doenças Cardiovasculares, a Diabetes, as Doenças Neurodegenerativas, entre outras.

PartilharShare on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Email this to someonePin on Pinterest0

Veja Também

Faleceu Joaquim Cabrita Neto

Joaquim Cabrita Neto faleceu esta segunda-feira, dia 13 de novembro, aos 77 anos. Filho do …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *