Home / Sociedade / Cultura / Fórum em Silves debate futuro do Museu da Cortiça

Fórum em Silves debate futuro do Museu da Cortiça

No dia 20 de fevereiro irá debater-se em Silves “O Futuro do Museu da Cortiça da Fábrica do Inglês”.
O debate decorre no Teatro Mascarenhas Gregório, a partir das 9h30, organizado pela Associação Portuguesa de Arqueologia Industrial e Associação Portuguesa de Museologia, com o apoio da Câmara Municipal de Silves e as parcerias da Direção Regional de Cultura do Algarve, Rede Portuguesa de Museus, Caixa Geral de Depósitos e Grupo Nogueira, SA.

A realização deste fórum é justificada pela necessidade de resolver o problema de reabertura do Museu da Cortiça, cujo edifício é propriedade da Caixa Geral de Depósitos, enquanto a grande maioria dos bens móveis são pertença do Grupo Nogueira ( grupo empresarial que adquiriu a Alicoop/Alisuper), em resultado da falência do Grupo Alicoop que era o proprietário da Fábrica do Inglês, em cujo complexo o museu se encontrava inserido.
Mais recentemente, a autarquia, numa tentativa de defesa do museu, procedeu à sua classificação como Monumento Municipal, mas essa medida apenas consegue salvaguardar o imóvel e não o seu conteúdo.
Assim, este Fórum pretende reunir no mesmo espaço os intervenientes no processo, para um esclarecimento sobre as diferentes propostas e um debate sobre as mesmas, de modo a tentar encontrar uma solução de futuro para o museu, que passe pela sua reabertura ao público.
Para moderar o debate estarão presentes Maria da Luz Sampaio e o jornalista da TSF, Manuel Vilas Boas.
A participação é livre mas requer inscrição prévia através dos contactos: 282 440854/ patrimoniocultural@cm-silves.pt .

Objectivos
1. Encontrar e definir a solução de futuro para a reabertura do Museu da Cortiça da Fábrica do Inglês em Silves, valorizando o seu papel no contexto da museologia portuguesa.
2. Reafirmar o valor de autenticidade do seu património cultural, no seu todo, e enquanto espaço edificado e museu industrial.
3. Criar sinergias para um compromisso de gestão do museu que afirme o seu interesse público nacional e internacional.

Sessão dafuturo museu da cortiça Manhã – 9h30-13h
9h30-10h00 – Receção dos intervenientes e dos participantes
10h00-10h15 – Abertura do Fórum. Apresentação dos moderadores. Enquadramento do funcionamento do Fórum.
10h45 – Intervenção da DRCA – Direção Regional de Cultura do Algarve
11h15 – Intervenção da CMS – Câmara Municipal de Silves
11h30 – Intervenção do ICOM- Portugal
11h45 – Pausa para Café
12h15 – Intervenção da CGD – Caixa Geral de Depósitos
12h45 – Intervenção do Grupo Nogueira, SA
13h30 – Visita ao recinto da antiga fábrica e Museu da Cortiça da Fábrica do Inglês

Sessão da Tarde – 15h00-18h30
15h30 – Intervenção especial: Maximo Negri – European Museum Academy
16h00 – Intervenção da APOM
16h30 – Intervenção da APAI
17h00 – Síntese final. Conclusões. Preparação do debate.
17h15 – Pausa para café
17h30 – Intervenção dos convidados especiais e participantes do Fórum
18h30 – Encerramento do Fórum

PartilharShare on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Email this to someonePin on Pinterest0

Veja Também

Biblioteca quer criar Clube de Leitura para Jovens

A Biblioteca Municipal de Silves está a lançar um desafio aos jovens com idades compreendidas …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *